Agende a sua Consulta Presencial ou por Telemedicina

Minha mãe tem 80 anos,quebrou o umero, não quer fazer cirurgia. É safenada, diabética, pressão alta. Está há 14 dias sofrendo, com gesso. Tememos que após 2 meses, seja, de fato, necessário fazer a cirurgia. Se operar é anestesia geral? É mesmo perigoso? Tem outra solução além da cirurgia?

Isso vai depender do tipo de fratura e qual a região do úmero que está fraturada.

Em um paciente de 80 anos, com múltiplas doenças, é aconselhável o tratamento conservador, sem cirurgia. Com 14 dias, o gesso pode ser trocado por uma órtese, que pode garantir maior conforto e mais liberdade para movimentar o cotovelo.

O risco da cirurgia, se indicada, pode ser avaliado por meio de uma consulta com cardiologista (risco cirúrgico).

| Resposta por Dr. Rafael Patrocínio
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Ficou alguma dúvida?

Telemedicina para Ortopedia

Envie sua mensagem